O que é DNS reverso e por que é importante?

Pesquisas por DNS reverso (rDNS) são uma inversão da tradicional “pesquisa DNS por encaminhamento”, em que o DNS é colocado em espera em um endereço IP de determinado nome de host. No DNS reverso, o DNS é colocado em espera do nome do host de determinado endereço IP. A pesquisa por DNS reverso retorna o nome do host de um endereço IP.


Ferramenta de pesquisa por DNS reverso

Com esta ferramenta, você pode realizar pesquisas por DNS reverso. Ela também exibe dados sobre seu atual endereço IP. Digite o endereço IP que você quer testar. Os posts nos blogs continuam no formulário abaixo.

Resultados da sua pesquisa DNS

Endereço IP:
Organização:
País:
Cidade:

Qual é o seu endereço IP

Endereço IP:
Organização:
País:
Cidade:

Você pode utilizar o formulário acima para fazer pesquisas por DNS reverso. Digite um endereço IP (por exemplo 8.8.8.8) e pressione Enter, e a ferramenta fará uma pesquisa por DNS reverso e retornará o registro do nome do endereço IP pesquisado.

Deseja ver esse tipo de dados de todos os visitantes do seu site? O Leadfeeder é uma ferramenta de DNS reverso que lista todas as empresas que tiverem visitado o seu site. Basta se conectar ao Google Analytics gratuitamente e você verá imediatamente os dados históricos dos últimos 30 dias. Comece com um período de teste gratuito de 14 dias.

O que é DNS reverso em termos leigos

Sempre que abrimos determinada página na internet, digamos o Google.com, nosso navegador verifica o endereço IP do domínio acessado e usa esse endereço para localizar a página correta.

DNS, (sistema de nomes de domínios ou Domain Name System) é uma lista de endereços de computadores conectados à internet. Se você quiser acessar o site da Amazon, você vai perguntar ao DNS onde o site está localizado. Da mesma forma que você utilizaria uma agenda de endereços na vida normal (mas espere um pouco: ninguém mais usa agendas de endereços hoje em dia, não é mesmo?).

Observe que uma agenda de endereços funciona apenas de forma unidimensional. É fácil encontrar o endereço de John Smith na sua agenda de endereços, mas se você tiver apenas o endereço, será bastante difícil encontrar na sua agenda quem mora lá – mesmo se você tiver seus endereços armazenados em algum lugar da agenda.

A pesquisa por DNS reverso (pesquisa rDNS) faz exatamente isso. É a procura de hosts da internet pelo endereço IP. Daí o termo “reverso” na função. É o contrário ou um meio inverso de utilizar a agenda de endereços na internet, algo que a sua antiga agenda de endereços não poderia fazer (tente descobrir quem é o dono do número 955-0455-0922 anotado em uma agenda de endereços física!)

Embora a internet em geral possa parecer um tanto anárquica às vezes, esta agenda de endereços DNS é um sistema estável, com o qual todos os usuários da internet devem concordar. Em boa parte, você pode acreditar que, se o DNS disser que determinado dado é do Google.com, pode acreditar que está certo (e apesar de essa confiança cega já ter gerado alguns problemas significativos, ainda é o melhor sistema disponível).

O DNS reverso retorna o nome do host para endereços IP. O DNS reverso funciona ao contrário do DNS encaminhado tradicional.

Agora, todos os dispositivos conectados à internet têm um endereço IP. O dispositivo com o qual você está lendo este post tem um e o computador que hospeda esta página tem outro. Se não tivesse, você não conseguiria acessar esta página. Você

Embora não sejam todos, uma clara maioria dos endereços IP tem um registro de DNS reverso. Você pode verificar o seu com a ferramenta acima. Portanto, a maioria dos computadores tem um registro da nossa agenda de endereços. Se tivermos um endereço IP em mãos, podemos saber quem é o usuário, assim como a ferramenta nos mostra.

Quando seu navegador carregou esta página, nosso servidor registrou seu endereço IP e seu navegador registrou nosso endereço IP, graças ao DNS. É assim que funciona a internet.

O Leadfeeder é uma ferramenta que mostra as empresas que demonstraram algum interesse em seus serviços ou produtos, visitando o seu site. Com o Leadfeeder, as empresas podem gerar novos clientes potenciais todos os meses, com DNS reverso. Simples e eficaz! Você pode se cadastrar no Leadfeeder gratuitamente hoje mesmo.

O que são registros PTR e em addr arpa

O DNS é definido em zonas. Uma zona é uma seção separada do espaço do nome do domínio, historicamente administrada como um arquivo de zona. Um domínio geralmente é uma zona.

O proprietário da zona mapeia diferentes endereços para diferentes nomes de domínio na sua zona. Por exemplo, mapeia o endereço IP 23.25.62.12 para apontar para o nome do host www na zona exemplo.com. Isso é feito com registros de DNS.

Isso significa que ao digitar www.exemplo.br direciona nosso navegador para o endereço 23.25.62.12. Isso costuma ser feito com um registro A (ou Alias) e é o encaminhamento habitual do DNS.

E quanto ao DNS reverso? O registro PTR é o registro do DNS reverso. Então basta o proprietário da zona adicionar esse endereço IP à sua zona e acabou-se? Não. O DNS reverso funciona ao contrário.

O registro PTR é armazenado em uma zona especial, conhecida como .in-addr.arpa. Essa zona é administrada pelo proprietário do bloco de endereços IP. No nosso caso, a zona do registro PTR seria 12.62.25.23.in-addr.arpa.

O proprietário do endereço IP é geralmente o ISP e se você quiser adicionar um registro PTR ao seu endereço IP, é preciso entrar em contato com o seu ISP.

Mas por que isso é importante?

O que isso quer dizer é que, se você tiver um site, você saberá todos os endereços IP de quem visitar seu site. E com uma agenda de endereços com DNS reverso, podemos traduzir esses endereços IP no nome do host.

Embora a maioria dos endereços IP possa ser traduzida em um nome de host, às vezes esse nome não é muito útil. Como há um número finito de endereços IP e aparentemente um número infinito de novos aparelhos celulares, laptops e eletrodomésticos se conectando à internet, as pessoas não são as proprietárias dos endereços IP que utilizam, na maior parte do tempo. Elas apenas utilizam um endereço IP que o seu provedor de serviços via internet designa para elas por algum tempo.

É o caso que geralmente acontece com os dispositivos móveis e as conexões de banda larga domésticas. Nesses casos, o nome do host será algo como 62-78-145-65.bb.dnainternet.fi (este era o meu IP no momento em que eu redigi este texto). Mas há muita coisa que você ainda pode fazer com esse endereço.

Por exemplo, esse endereço informa que eu sou de Helsinque, na Finlândia e que o meu ISP é o DNA. Você pode até mesmo demarcar um local mais exato na cidade de Helsinque onde a conexão foi feita. Legal, mas ainda não existe uma solução para me identificar com essas informações.

O Whois pesquisa resultados de um endereço IP. Uma simples busca no whois revela mais informações sobre um endereço IP ou um nome de host

Para profissional de marketing B2C, isso é tudo que você pode fazer com o DNS reverso. Um endereço IP pode gerar muitos dados detalhados da localização, que podem ajudar você a encontrar um bom local para ampliar seus negócios, por exemplo. Mas tudo é diferente com o marketing B2B.

A maioria das empresas tem seus próprios endereços IP. Isso quer dizer que você pode utilizar a pesquisa por DNS reverso para saber que empresas visitaram seu site. No caso de empresa maiores, você pode até mesmo ver de que escritório a conexão foi feita – como por exemplo, com o meu endereço IP acima.

Utilizar a pesquisa por DNS reverso para identificar o visitante é uma excelente tática de marketing B2B. Embora ela não possa informar o nome da pessoa que visitou seu site, na maioria das vezes, o nome da empresa em si já é uma grande ajuda (você provavelmente não cita seu nome em todas as páginas que visita na internet).

DNS reverso e e-mails

O DNS reverso é um dos métodos utilizados por servidores de e-mail para verificar se o servidor remetente não é um disseminador de spams maliciosos. Quando alguém envia um e-mail do endereço pedro@examplo.br, o servidor destinatário verifica se o endereço IP do servidor remetente tem um DNS reverso registrado e vinculado a exemplo.com.

Se o servidor remetente to e-mail não tiver qualquer registro de DNS reverso, isso costuma ser um indício de que o e-mail enviado desse servidor é recusado pela maioria dos servidores.

Se você tem seus próprios servidores de e-mails, é preciso ter um registro PTR configurado nos seus servidores. Você pode confirmar isto se utilizar a ferramenta acima.

Se o servidor de e-mails tiver um DNS reverso mas não estiver vinculado ao seu domínio, isto não será um problema. Lembre-se apenas que, nesse caso, é ainda mais importante configurar os registros DKIM and SPF records.

Software de análise via internet e DNS reverso

A maioria dos pacotes de software de análise via internet já tem o DNS reverso embutido. O Google Analytics, por exemplo, mostra esses dados na aba Público – Tecnologia – Rede. Se você estiver utilizando outro software de análise, ele provavelmente terá relatórios semelhantes disponíveis em algum lugar.

O problema, é claro, é que seu relatório terá muitos visitantes de redes de banda larga domésticas e de dispositivos móveis, o que apenas distorce seus dados e dificulta a localização do que é realmente útil da perspectiva de vendas e geração de clientes potenciais.

É possível criar filtros no Google Analytics, mas se você estiver realmente levando a sério a identificação das empresas que visitam seu site, comece com um período de teste gratuito de 14 dias., para não ter de fazer todo o trabalho manual no Google Analytics, que consome muito tempo.

O Leadfeeder utiliza a aprendizagem de máquina para filtrar ISPs e nomes de host irrelevantes entre os seus dados. Ele também integra outras ferramentas de marketing e vendas para melhorar o compartilhamento de dados.

Se você estiver utilizando somente análises via internet no momento para observar as alterações estatísticas no seu site, experimente o DNS reverso e veja quem realmente visitou seu site. Essa função pode ajudar você a se concentrar nas pessoas e empresas em vez de grandes massas de visitantes.

O Leadfeeder sabe quem está visitando seu site

Clientes potenciais gratuitos do Google Analytics. Nenhuma instalação extra de scripts é necessária.

Veja por si mesmo.

Período de teste gratuito. Não requer cartão de crédito.

Como visto em

  • Forbes
  • Entrepreneur Magazine
  • Fox
  • Mashable
  • Social Media Examiner